SEROPÉDICA ATRAI GRANDES EMPRESAS

Seropédica é famosa por abrigar a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), mas a cidade está deixando de lado a característica agrária e se transformando, cada vez mais, em um pólo de atração de grandes indústrias. No total, 17 empreendimentos se instalaram no município desde 2010.

1 (3) - CopiaAlgumas destas empresas já estão operando, como é o caso da P&G e da Panco, outras, estão em processo de construção, como a Brasilit e a  Falmec, além da Casas Bahia e Votorantim Cimentos S.A., em processo de licitação. No total, serão gerados quase 20 mil empregos diretos e indiretos. O investimento total será de aproximadamente R$ 2,5 bilhões.

Para constatar de perto o andamento da instalação das empresas na cidade, o prefeito Martinazzo visitou na tarde desta quinta-feira (13) o local onde a empresa Golgi Condomínios Logísticos está construindo seus galpões de armazenagem e distribuição. “A cidade está crescendo muito. Estamos fechando vários contratos para trazer grandes empresas para o município. Com isso, haverá um aumento da arrecadação, e todos vão ganhar“, disse o prefeito.

Localizada a 71 quilômetros do Rio, Seropédica se beneficia das vantagens de sua localização para atrair negócios, principalmente no setor de logística. Outra vantagem é o recém-criado Arco Metropolitano, que passa pelo município. “Com a conclusão das obras, as empresas foram atraídas para cá“, destacou Martinazzo.

Ao falar sobre a escolha do local, o engenheiro e diretor da construção, Nelson Faversani, afirmou que a localização e facilidade de acesso ao Arco Metropolitano e à Rodovia Presidente Dutra, foram fatores decisivos. “Tínhamos pouca penetração no Estado do Rio pela distância. O Arco foi decisivo na questão de logística para virmos para cá. Agora vamos atender o Rio, Minas Gerais e Espírito Santo. Questões como tempo e dinheiro são essenciais. Vamos contratar muita gente da região“, frisou Faversani.

O engenheiro explicou ainda que os empreendimentos da Golgi serão executados seguindo as melhores práticas de sustentabilidade, com vistas à obtenção do Leadership in Energy and Environmental Design (Leed), certificação que reconhece oficialmente às construções sustentáveis.

O Golgi Seropédica está sendo construída em um terreno com mais de 522 mil m². O condomínio contará com uma área de aproximadamente 250 mil m² em módulos de cerca de 5 mil m². A empresa está localizado na RJ 125, a cerca de 1,5 km do entroncamento de acesso ao Arco Metropolitano do Rio de Janeiro com a Rodovia Presidente Dutra. A conclusão do primeiro galpão logístico está prevista para o primeiro semestre de 2015.

Mais empregos para a região

De acordo com Faversani, durante a fase de construção foram gerados 500 empregos diretos, porém, quando a empresa começar a operar, estima-se que ocorrerá à abertura de 1000 vagas de empregos diretos.

Matéria: Assessoria de Imprensa/PMS