PREFEITURA DE SEROPÉDICA E COOTRASER FORMALIZAM PARCERIA EM PROL DA COLETA SELETIVA

Prefeito Martinazzo entrega Certidão de Licenciamento para presidente da cooperativa de catadores

 

O prefeito Alcir Fernando Martinazzo e o secretário de Ambiente e Agronegócios de Seropédica, Ademar Quintella, receberam no gabinete do prefeito nesta terça-feira (13) a presidente da Cotraser (Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Seropédica Ltda), Giovana Nunes, a gerente de QSMS da empresa Ciclus, Bárbara Alexandre, as assistentes de Projetos Sociais da Caixa Econômica Federal Renata Ribeiro e Clarice Ferreira, e o diretor administrativo da Febracom (Federação das cooperativas de catadores de material reciclável, recuperável, consciência ambiental, tratamento e manipulação de resíduos do Rio de Janeiro), Luís Fernandes.

DSC_0028A reunião serviu para fortificar parcerias e comemorar a conquista da Certidão Ambiental de Inexigibilidade de Licenciamento por parte da Cootraser, que agora passa a atuar como um órgão oficial no que diz respeito à coleta seletiva em Seropédica. A Certidão Ambiental (CA) é o documento pelo qual o órgão ambiental certifica sua anuência, concordância ou aprovação quanto a normas e procedimentos específicos do INEA (Instituto Estadual do Ambiente).

Essa certidão é muito importante para a cooperativa, pois abre um leque de opções em relação ao estabelecimento de novas parcerias”, disse Giovana Nunes, presidente da Cootraser.

O investimento na legalização da cooperativa impacta diretamente no cotidiano do município, sendo este mais um importante passo do programa de coleta seletiva, que agora está oficialmente em funcionamento. Serão instalados na cidade cinco “ecopontos” para o descarte seletivo de resíduos, todos em locais com grande circulação de pessoas.

Por meio desta certidão de licenciamento a cooperativa agora está legalizada para exercer suas atividades,DSC_0017 cabendo à Prefeitura, através da secretaria de Ambiente e Agronegócios, fiscalizar essas ações. Uma das condições para funcionamento apresentada na certidão é que os cooperados devem manter a área interna e seu entorno dentro dos padrões necessários de higiene, acessibilidade e segurança do trabalho, o que é muito positivo para a melhoria das condições de trabalho dos catadores e também para a população”, afirmou Ademar Quintella, secretário de Ambiente e Agronegócios.

Além de beneficiar o município de Seropédica, a parceria também é positiva para a empresa Ciclus, pois a implantação do plano de coleta seletiva amplia a vida útil do aterro sanitário, já a Caixa Econômica Federal atua nesta união através de um programa socioambiental da instituição que visa dar apoio a Cootraser até 2017. A Febracom atuará junto a Prefeitura prestando assessoria e consultoria para a Cootraser, tanto em relação a serviços quanto ao transporte, o papel da instituição é buscar parcerias e engajar cooperativas em projetos de ordem municipal, estadual ou federal.

Esse encontro foi muito importante, pois a partir de agora a Cootraser passa a existir oficialmente e, consequentemente, passará a receber apoio de órgãos municipais estaduais e federais, o que ampliará o alcance do trabalho e afetará positivamente à sustentabilidade do município no que se refere às questões ambientais, gerando empregos e aumentando a renda dos ‘recicladores’, além de beneficiar a estrutura de reciclagem de Seropédica”, comemorou o prefeito Martinazzo.

Por Hudson Glória

Fotos: Luiz Calderini