EDUCANDO COM A HORTA ESCOLAR

Parceria entre SMECE e SEMAMA incentiva  sustentabilidade e cuidados com o meio ambiente

2O projeto Semeando Educação iniciou-se nas escolas da rede municipal de educação de Seropédica em março de 2011 através de uma parceria entre a Secretarias Municipais de Educação, Cultura e Esporte (Smece) e de Ambiente e Agronegócios (Semama). A iniciativa utiliza a horta como um laboratório vivo, onde os professores trabalham temas transversais e conteúdos curriculares de forma dinâmica, criativa e interdisciplinar. O “Semeando Educação” tem por finalidade ensinar os alunos da rede pública municipal a cultivarem produtos orgânicos, tornando-os multiplicadores destes conhecimentos e, com isso, incentivar seus familiares a desenvolverem hortas domésticas. Rotineiramente realizadas palestras com enfoque em questões sustentáveis e aproveitamento dos alimentos nas unidades escolares.

Nesta quinta-feira (17) os alunos da Escola Municipal Maria Archanja de Farias participaram de uma palestra oferecida pela Secretaria de Ambiente e Agronegócios que tratava sobre a importância de se economizar água e cuidar do meio ambiente . Na oportunidade, o secretário de Ambiente e Agronegócios Ademar Quintella lançou o projeto “Agentes Ambientais Mirins” e entregou certificados do Projeto “Vigilantes do Meio Ambiente” aos alunos.3

De acordo com a diretora da E.M. Maria Archanja de Farias, Rose Mary Nunes, os alunos aprendem com prazer, unindo teoria e prática. “Hoje estamos aqui para participar da palestra e aproveitar para entregar ao secretário de Ambiente e Agronegócios Ademar Quintella, uma parte dos alimentos que produzimos em nossa escola”, comentou.

Durante a palestra foi apresentado o vídeo “O preço dos nossos erros”, que tem a finalidade de alertar a população mundial sobre o valor da água e o que ela realmente representa para nós nos dias atuais. “O vídeo aponta a importância da nova geração, com o apoio da geração atual, de cuidar do meio ambiente como um todo, e a horta desenvolvida por vocês me remete a uma frase do livro ‘O pequeno Príncipe’, que diz: ‘Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas’. Vocês cativaram o meio ambiente ao cuidar da horta escolar e, agora, são responsáveis por ele”, enfatizou o secretário de Ambiente e Agronegócios.

Ademar Quintella destacou ainda que o projeto aglutinará todos os projetos de sustentabilidade do município, atuando nas escolas, nos núcleos da melhor idade, nas associações e, nos mais diversos nichos da sociedade. “Estamos licenciando a cooperativa de recicladores, com a cooperativa licenciada nós iremos iniciar a coleta seletiva no município, nosso objetivo é que estes vigilantes do Meio Ambiente sejam um dos carros fortes da coleta seletiva, além disso, enfocaremos a preservação de mananciais e córregos da cidade. Nós queremos que em cada comunidade haja um agente ambiental mirim, que repassará à vizinhança, o conhecimento, as necessidades e as formas de cuidar do meio ambiente”, disse Ademar Quintella.

Em uma segunda etapa do projeto, o objetivo é fazer com que a participação dos pais seja mais ativa e, que os interessados implantem hortas em casa, promovendo desta forma uma reeducação alimentar e ambiental no município.

Outro projeto desenvolvido em parceria com a Fiocruz tem como proposta a implantação do cultivo de plantas medicinais em escolas públicas do município de Seropédica, por meio de hortas que contarão com participação de alunos, professores e funcionários, além de pessoas da comunidade e pais que tenham interesse em participar

E.M. Maria Archanja de Farias impulsiona a sustentabilidade

Além da horta, a E.M. Maria Archanja de Farias, utiliza materiais recicláveis no parquinho das crianças e nos sofás instalados nos corredores da escola. “Nós idealizamos este parquinho, que é todo feito com materiais reciclados, tais como, manilhas, pneus, madeiras, pallets, etc. Temos como objetivo incentivar a utilização destes materiais. Os brinquedos do parque imitam animais, com isso, as crianças possuem um mini zoológico sustentável para brincar”, contou animada a diretora Rose Mary Nunes.