COMITIVA REALIZA VISTORIA NO CORPO DE BOMBEIROS DE SEROPÉDICA

Visita teve por objetivo avaliar últimos detalhes antes do início das atividades

 

O tão sonhado Corpo de Bombeiros de Seropédica está bem próximo de ser inaugurado. Trata-se de mais uma promessa de governo que está se tornando realidade graças à administração do prefeito Martinazzo. A unidade, praticamente finalizada, está sendo construída em um terreno de 2000 metros quadrados à margem da BR-465 (antiga Estrada Rio-São Paulo), km 10, no bairro Incra.DSC_0030

Na manhã desta terça-feira (06) o comandante do 4º Grupamento de Bombeiros Militares de Nova Iguaçu, Tenente-Coronel André Morgado, comandou uma vistoria na unidade do Corpo de Bombeiros de Seropédica. Segundo ele, devido ao adiantado processo de obras, até o fim deste ano a cidade de Seropédica já contará com a unidade em pleno funcionamento.

No início do meu mandato os munícipes relatavam a necessidade da construção de uma unidade Corpo de Bombeiros em Seropédica, ouvi a ‘voz do povo’, assumi esse compromisso, e agora, estamos prestes a inaugurar nosso Corpo de Bombeiros. Esta será mais uma promessa de governo cumprida, além de ser um legado inestimável para Seropédica. Para mim é uma satisfação imensa poder dar à população o que ela precisa, esse é o dever de um Prefeito, e estou cumprindo à risca”,  afirmou o prefeito Martinazzo.DSC_0035

O Corpo de Bombeiros de Seropédica funcionará 24 horas por dia, tendo como efetivo 30 militares divididos em equipes que trabalharão em 4 turnos, na escala de 24 por 72 horas, com uma média de oito homens por dia. O comando da unidade ficará a cargo do Major Roberto Rauseman. “Com um quartel na cidade o tempo de resposta do Corpo de Bombeiros diminuirá significativamente para atendimentos em diferentes tipos de ocorrências, o que influenciará positivamente o socorro às vítimas, aumentando as chances de salvamento”, disse Rauseman.

Inicialmente a unidade contará com duas viaturas de ação, uma ABS Híbrido e uma AR. A viatura ABS Híbrido consiste em um veículo leve com tração nas quatro rodas, que é destinado a transportar equipamentos e materiais específicos para serviços de busca e salvamento, bem como operações costeiras e alagadiças. Já a viatura AR é um tipo de furgão, que é destinado às ações de resgate e atendimento pré-hospitalar a vítimas politraumatizadas em via pública, transportando equipamentos e materiais específicos para o suporte à vida.

Por Hudson Glória

Fotos: Luiz Calderini