SEROPÉDICA REALIZA CERIMÔNIA DE ABERTURA DO ”PROGRAMA ESPORTE E LAZER DA CIDADE”

4J1A1806Na última terça-feira (26) o Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) teve a sua cerimônia de abertura oficial. A iniciativa foi desenvolvida pelo Ministério do Esporte, em convênio com a Prefeitura de Seropédica, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SMECE). O evento contou com a presença do prefeito Martinazzo, das subsecretárias Eliana Cristina (Ensino) e Suelen Soares (Esporte), que representaram a secretária de Educação, Cultura e Esporte Lúcia Baroni, e do coordenador geral do projeto em Seropédica, Igor Santos, que junto às subsecretárias e ao prefeito Martinazzo oficializou o programa na cidade. Os coordenadores dos 72 núcleos de atividades esportivas e de lazer do programa no município compareceram à cerimônia, além de representantes das escolas onde funcionará o projeto e a população em geral.

4J1A1808A solenidade foi realizada na Praça Nildo Romano, no centro da cidade, onde o público pôde assistir apresentações de Taekwondo, Percussão e Dança, além de exposições de Contação de História, Origami e Grafite.

Para Suelen Soares, subsecretária de Esporte, o programa visa promover atividades lúdicas e fortalecer a consciência cidadã.

Lúcia Baroni, secretária de Educação, Cultura e Esporte, também destacou a importância de proporcionar atividades desportivas e de lazer para a comunidade. “Atualmente a SMECE conta com 8 projetos esportivos espalhados em diversos núcleos na cidade e atende um público de 6.450 pessoas. Contamos com os seguintes projetos de futebol: Bom na Escola, Bom de Bola; Curu Amigo; Craque Só de Bola; Seleção de Seropédica (Sub-17); Programa Segundo Tempo (PST), com 7 núcleos na cidade; e dois projetos de artes marciais: Esporte é Futuro, de Taekwondo; e Fer-Fight, de Jiu-Jitsu, além do PELC, que está sendo lançado hoje e terá 12 núcleos”, informou.

O prefeito Martinazzo ressaltou a importância do projeto, que vem a desenvolver um trabalho social e de conscientização envolvendo o esporte e o lazer. Segundo ele, as atividades terão como missão direcionar seus participantes na busca de alternativas saudáveis. “O projeto visa proporcionar espaços com atividades esportivas, culturais e de lazer, promovendo qualidade de vida e bem estar a partir da inclusão, assegurando a igualdade social, além de reafirmar o incentivo à prática esportiva e gerar oportunidades para o desenvolvimento pleno de crianças e jovens, bem como o resgate da dignidade dos adultos e das pessoas portadoras de necessidades especiais”, relatou.