PREFEITURA DE SEROPÉDICA VACINARÁ CÃES E GATOS NA PRÓXIMA QUINTA-FEIRA (15)

Começa nesta quinta-feira (15) a campanha de vacinação contra a raiva em Seropédica. A vacinação, promovida pelas  Vigilâncias Ambiental e Sanitária de Seropédica, vai ser oferecida em todos os bairros da cidade gratuitamente até o mês de Dezembro, sempre as quintas e sextas-feiras, das 9h às 16h, de acordo com os calendários a serem divulgados mensalmente.vacina-cao

O prefeito Alcir Martinazzo falou a respeito da vacinação. “É importante que as pessoas levem seus animais para a vacinação. Em Seropédica os registros de casos de raiva animal diminuíram quase que totalmente desde o início de minha gestão. Esse resultado se dá pelo trabalho realizado pelas campanhas de vacinação antirrábica, que previnem o surgimento de doenças. As pessoas precisam se mobilizar para levar seus animais já que a raiva animal não tem cura e ainda pode ser passada para humanos, além de uma questão sanitária e ambiental, também pode se dizer que é uma questão de saúde pública”, enfatizou Martinazzo.

No mês de Setembro a vacinação acontecerá nos Bairros: Canto do Rio, Boa Fé, Piranema, além de retas adjacentes. Vale ressaltar que durante os outros dias da semana a vacinação será disponibilizada na Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil, localizada na Estrada RJ 099 (Reta do Piranema), Nº 971, ao lado do posto da Polícia Rodoviária Estadual.

vacina1Nos dias 15 e 16 de setembro, das 9h às 16h, a vacinação será no Bairro Canto do Rio; dias 22 e 23 de setembro, também das 9h às 16h, serão vacinados animais do bairro Piranema e retas adjacentes. Nos dias 29 e 30 de setembro, das 9h às 16h, as vacinas serão aplicadas no Bairro Boa Fé, mais precisamente no Campo de Futebol.

O secretário municipal de Saúde e Defesa Civil, Dr.º Cesar Cilento, explicou que é possível se conseguir visitas domiciliares, caso o proprietário possua uma quantidade grande de animais, basta apenas realizar um agendamento através dos telefones: 3781-2556; 3782-4985; 3782-4949 e 3781-0601, da Vigilância Sanitária Municipal.

Todos os animais com mais de três meses de idade devem receber a vacina, inclusive fêmeas que estiverem amamentando, prenhas ou no cio. A vacina não deve ser aplicada em animais doentes (com diarreia, secreção ocular ou nasal, sem apetite, convalescentes de cirurgias ou outras enfermidades). Sintomas como dores no local vacinado, febre e comportamento mais quieto do animal podem ocorrer por até 36 horas após a aplicação.

Todos os cães a serem vacinados devem estar com coleira e guia. A focinheira é obrigatória em animais bravos. Gatos são mais assustados e devem ser levados em caixas de transporte ou similar, evitando fugas ou acidentes. Somente pessoas adultas, em condições de conter os animais devem conduzi-los ao local de vacinação. É responsabilidade do proprietário do animal sua contenção para receber a dose da vacina.

O secretario municipal de Saúde e Defesa Civil, Dr.º Cesar Cilento, explicou os efeitos da vacina: “As vacinas são produtos específicos que ativam o sistema imunológico do animal e fazem com que ele fique imunizado. Isso acontece através da produção de anticorpos pelo próprio organismo do bichinho, dessa forma o organismo se protege e a doença não o acomete”, destaca.