GRUPO TÁTICO OPERACIONAL PASSA POR TREINAMENTO EM ARTES MARCIAIS

Qualificar os agentes do Grupamento Tático Operacional (GTO) da Secretaria de Segurança e Ordem Pública para a mediação de conflitos e gerenciamento de crises é uma das preocupações da Prefeitura de Seropédica. Com este objetivo teve início esta semana um programa de treinamento especial para o grupamento.

O GTO é um grupo de pronto emprego que atua em ocorrências que exijam uma intervenção especializada, seja ela de ordem civil ou patrimonial. Dessa forma, a qualificação e o preparo são essenciais para que os resultados apresentados à população sejam satisfatórios.

De acordo com o diretor de Ordem Pública Alcino Santos, essa qualificação acompanha a modernização das técnicas. “Uma das prioridades da Secretaria de Segurança e Ordem Pública é capacitar, treinar e atualizar conhecimentos para todo o efetivo do GTO, profissionalizando a categoria com técnicas modernas que acompanham a evolução do enfrentamento da criminalidade na sociedade“, enfatiza.

Alcino destaca que o GTO tem recebido grande apoio da Primeira Dama e secretária de Educação, Cultura e Esportes, Lúcia Baroni, que foi convidada a ser madrinha do GTO. “A secretária Lúcia tem nos apoiado muito, não só com equipamentos, como também através da parceria com a pasta de esportes”, conta.

Atualmente o grupamento vem sendo treinado na prática das artes marciais, tais como jiu-jitsu e taekwondo. De acordo com Alexandre dos Santos, instrutor faixa marrom de jiu-jitsu, a arte marcial é fundamental para o bom desempenho das funções do GTO. “As técnicas das artes marciais e da defesa pessoal são muito importantes no desenvolvimento da resistência física, do autocontrole, e também no emprego das técnicas adequadas a cada situação enfrentada no cotidiano. Nos golpes ensinados aos guardas damos prioridade àqueles utilizados na imobilização, contenção e condução de suspeitos e/ou acusados, de forma a minimizar possíveis danos“, explica Alexandre.

Martinazzo, prefeito de Seropédica, destaca que os treinamentos em artes marciais permitem mais segurança para os guardas e, consequentemente, para a sociedade, que tem profissionais mais preparados. “Além do cuidado com o patrimônio público e da patrulha feita nas ruas da cidade, os guardas têm sido decisivos na solução de alguns conflitos no município. A Prefeitura tem investido em cursos de capacitação com o objetivo de melhorar cada vez mais a ação da Guarda Municipal e do Grupamento Tático Operacional na segurança da população”, disse o prefeito.